Cidade

Mais de 850 cartões do programa Comida Boa já foram entregues em Ivaiporã

A Prefeitura de Ivaiporã, através do Departamento Municipal de Assistência Social iniciou na tarde quinta-feira (7) a entrega do Cartão Comida Boa, do Governo do Paraná. O voucher no valor de R$ 50 é utilizado por famílias vulneráveis na compra de produtos alimentícios durante a pandemia do novo coronavírus.

De acordo com a secretária municipal de Assistência Social, Ana Maria Santos Franciscato  até segunda-feira (12), mais de 850 famílias já tinham sido beneficiadas com o Cartão Comida Boa.  Em Ivaiporã serão entregues 2.915 vouchers. 

Para que não aconteça aglomeração, os cartões estão sendo entregues em quatro locais: CRAS, Casa de Vivência, Projeto Renascer e Centro da Juventude. “No local, a pessoas são orientadas a manterem a distância, e as que chegam sem máscaras acabam  recebendo também uma máscara que foi produzida pela equipe da Assistência Social e voluntários”.

A secretaria explica que para otimizar o atendimento, as famílias podem consultar a plataforma www.cartaocomidaboa.pr.gov.br para verificar se estão inscritas no CadÚnico e também tirar dúvidas em quais locais onde poderão realizar a compra, entre outros detalhes. “Em Ivaiporã, 12 supermercados estão credenciados no programa. E o beneficiário é orientado dos locais na hora que recebe o cartão”. ressalta.  

Ainda segundo Ana Maria o programa mostra a preocupação do Governo do Estado, com as famílias mais vulneráveis neste momento de pandemia.  “Isso assegura a proteção daqueles que estão sendo as principais vítimas da crise. Por isso, agradecemos muito o governador e todo a equipe de governo por mais esta ação”, ressalta.

Quem pode receber

Para ter direito ao cartão, é preciso ser maior de 18 anos (à exceção de mães adolescentes), ter renda familiar mensal per capita não superior a meio salário mínimo ou renda familiar total que não passe de três salários mínimos.

Os beneficiários inscritos no CadÚnico precisam apenas apresentar documento com foto e CPF no local indicado pelo município para a retirada do cartão. Os demais poderão solicitar o cartão mediante assinatura de autodeclaração de que está enquadrado nos requisitos do programa.

Fonte: Tribuna do Norte